Blogspot Siga-me no Twitter FanPage no Facebook

Notícias  Entrevistas

voltar

A mineira Roberta Martins fala da carreira de modelo
24/04/2006

A mineira Roberta Martins foi a vencedora do concurso Tic Tac Mega Model no final do ano de 2004, ganhando o primeiro lugar do concurso que teve mais de 1 milhão de inscrições. Roberta faturou um contrato no valor de US$ 100 mil. Hoje, aos 18 anos, Roberta é destaque no cenário nacional e internacional do mundo da moda. Em seu currículo há campanhas e desfiles para marcas importantes como Armani Exchange, Donna Karan NY, Glória Coelho, Zoomp, Sais, Huis Clos, Blue Man, Isabela Capeto, Patachou e Pedro Lourenço. Com uma beleza inconfundível, olhos azuis irresistíveis, medidas perfeitas, e dona de uma simpatia contagiante, Roberta fala com exclusividade para o site Assunto de Modelo sobre sua carreira e nos conta um pouquinho de sua vida.

AM: Como foi a sensação de receber o prêmio de primeiro lugar de um concurso tão disputado e com grande dimensão?
Roberta : Foi uma sensação maravilhosa, diferente de todas as outras que já tive, porque eu nunca tinha disputado nada tão grande e focado para beleza. Foi uma surpresa para mim!


AM: Qual foi sua primeira impressão sobre o mercado de moda para modelos?
Roberta: A minha primeira impressão foi muito diferente do que eu imaginava porque antes de modelar eu tinha um pouco de preconceito sobre a carreira de modelo, mas eu vi que era um trabalho profissional. Para mim era até estranho ver as meninas tão novas, mas tão independentes.


AM: Como e qual foi seu primeiro trabalho como modelo?
Roberta: O meu primeiro trabalho modelando foi em Belo Horizonte para a marca Disritmia e foi muito legal porque a equipe de lá é muito querida. Todos me ajudaram bastante por ter sido o primeiro trabalho. Depois eu ainda trabalhei muito para eles e até hoje gosto de manter contato com todos.


AM: Qual foi a reação da sua família quando você decidiu se inscrever no concurso e se tornar uma modelo? Alguém ou algum fator influenciou sua escolha?
Roberta: Na verdade, no início eu não queria me inscrever de jeito nenhum, não queria nem pensar em ter que aparecer na TV no dia (risos), mas o Eli - dono da Mega - foi em minha agência em BH para selecionar as candidatas do
concurso e por coincidência eu estava lá na hora. Quando ele me viu, não parou até me convencer que eu iria me inscrever. Foi então que me inscrevi no concurso. Minha mãe ficou um pouco assustada na hora, pois eu nunca tinha pensado nisso, e de uma hora para outra falei com ela que iria me inscrever, mas no mesmo dia ela conversou com os coordenadores do concurso e ficou mais tranqüila depois das explicações, e meu pai me deu um super apoio!


AM: A carreira de modelo dá para uma menina muitas oportunidades. Para você, qual dessas oportunidades foi a mais interessante?

Roberta: Não tem como citar uma só oportunidade interessante, mas uma delas foi conhecer países diferentes, aprender línguas diferentes, saber ser independente e amadurecer. Isso para mim foi mais importante do que qualquer dinheiro.

AM: Qual é a melhor e a pior parte de ser uma modelo?
Roberta: A melhor parte é poder conhecer lugares interessantes, pessoas diferentes e para mim a pior é a saudade, não poder manter um relacionamento a longo prazo. Falo em relação a tudo: namoro, amizade, porque como a gente está sempre de um lado para o outro, acaba que quando começa uma amizade e já estou indo para outro lugar, e acontece o mesmo com namoro... É difícil estar junto sempre.


AM: Qual detalhe ou característica sua você acha que mais atrai as outras pessoas?
Roberta: "Ai, que pergunta difícil"... Eu acho que quando a gente está bem consigo mesmo, feliz, ficamos mais radiantes, com um sorriso que sempre atrai as pessoas, com um olhar que dá para ver um astral bom, isso tudo eu acho que atrai um pouco as pessoas.


AM: Qual é o seu livro de cabeceira?
Roberta: Agora eu estou acabando de ler O Caçador de Pipas, livro de Khaled Hosseini. Eu recomendo para todos!


AM: Você tem um filme favorito? Qual estilo de filmes você gosta de ver?
Roberta: Eu não tenho um filme preferido, mas adoro Forrest Gump. Outro que vejo às vezes até hoje é "No tempo das Brilhantinas". Amo comédia, romance, um pouquinho de drama e odeio filme de terror. Para mim, não tem nada pior que assistir um filme desses... (risos).


AM: E seu gosto musical? Qual é o estilo de música que você gosta de ouvir?
Roberta: Eu sou bem eclética, na balada gosto de escutar house, e às vezes um Hip-hop, mas diariamente amo MPB, Sublime, Jack Johnson, 2Pac.. Dá para perceber como eu sou eclética, né? (risos).


AM: Já aconteceu de você ter feito algum trabalho que não gostou? Se não, qual seria sua reação perante uma situação parecida? Fale um pouco sobre isso.
Roberta: Às vezes, o trabalho não sai do jeito que você imaginava, mas nada que eu não tenha gostado mesmo. Porém se eu fizesse algum desses, que às vezes estivessem me deixando constrangida ou algo do tipo, eu ligaria para minha agência para comunicar o que está acontecendo e se nada melhorasse eu explicaria para cliente e dependendo iria embora.



AM: Você é uma modelo que já viajou para vários lugares do mundo. Como é a experiência de sair de Belo Horizonte e viver e visitar lugares totalmente diferentes dos seus costumes?
Roberta: Para falar a verdade, é uma delicia, pois tudo é novidade, tem vários lugares para conhecer. O estilo de vida em outros países é bem diferente, e acaba que você aprende bastante.


AM: Foi difícil para você se adaptar a viver em outro país?
Roberta : Por enquanto, eu ainda não passei nenhuma dificuldade para me adaptar, porque a cabeça está sempre cheia, com várias coisas para fazer que acaba que você esquece do fato de ter que se adaptar, e isso se torna natural. O mais difícil é se adaptar com as pessoas, que às vezes não são como nós brasileiros, são mais frios, e nem sempre é fácil acostumar com isso.


AM: Como você cuida do seu corpo? Você tem facilidade em se manter magra?
Roberta: Eu sempre tive tendência a ser magra, mas acontece que para o mundo fashion você tem que estar "bem" magra... (risos), então tem que fazer um "sacrificiozinho" às vezes e fazer um regime mesmo. Não ficar sem comer, mas parar de comer bobagens, por exemplo doces que eu amo... Aprender a
controlar mesmo, até para ter uma alimentação mais saudável. Quando tenho tempo eu corro, faço ginástica, mas nunca musculação porque fico inchada... (risos).


AM: Qual conselho você daria para uma pessoa está iniciando a carreira de modelo e sonha em se tornar uma supermodelo como você?
Roberta: Eu diria que não é uma carreira muito fácil, como todos imaginam, não é só glamour. Ser modelo é levantar as mangas e trabalhar mesmo... (risos). Para quem quer seguir esse caminho, eu aconselharia procurar uma boa agência e se dedicar, querer sempre aprender, melhorar e seguir em frente sempre com a cabeça no lugar, que é o
mais importante.
Fonte: Miguel Crispim - miguel_@models.com
     



Selecione a categoria:
Data Título
24/10/2017 A bruxinha Meg Li, de Margareth Libardi, será entrevistada hoje no programa Mamãe Sincera
03/09/2006 Carmelita Mendes se prepara para iniciar sua carreira internacional
05/08/2006 Helena Ayres, a mineira que venceu o concurso da Globo
29/05/2006 Maria Heloísa Aalling, a top dinamarquesa que cresceu no Brasil
16/05/2006 Bernardo Câmara, o ruivo que conquistou o universo fashion
10/05/2006 Lucy Horn, uma das favoritas do mundo fashion
24/04/2006 A mineira Roberta Martins fala da carreira de modelo
31/03/2006 Bruno Vasconcelos, de Minas a Paris
16/03/2006 Thaís Oliveira, uma grande promessa do mercado.
23/02/2006 A mineira Marana segue para a Europa
30/01/2006 Bárbara Josyanne começou a modelar quando criança e já possui experiência digna de uma adulta
16/12/2005 Tiago Campos: beleza ruiva
14/11/2005 Karine Murié: gaúcha brilhante
14/11/2005 Simplesmente Bárbara
17/09/2005 Francielle Morawski: uma revelação da Skin
14/09/2005 Bárbara Fialho é sucesso dentro e fora do Brasil
29/08/2005 Com muita beleza e talento, Drielle Valeretto conquista o mundo fashion
26/08/2005 Diune é um arraso
26/08/2005 Erica Baade dá os primeiros passos para uma carreira promissora
26/08/2005 Muito mais que um rostinho de menina, Carol Trentini é uma modelo de sucesso
15/08/2005 Tamara Wiggers: um sonho que se tornou realidade
05/08/2005 Camila Finn, a mais nova queridinha do mundo fashion
05/08/2005 Com 1.79m de altura e pura beleza, Emily Sofie esbanja simpatia e força de vontade
05/08/2005 Milena Prado, uma grande promessa para 2006
10/02/2004 Janaína Guimarães - Associada do Assunto de Modelo
 


Sábado  20.01.18
esqueci a senha
cadastre-se
associe-se
 


Termo de compromisso    |    Política de privacidade    |    Parcerias    |    Publicidade
Seja um colaborador

Copyright © 2002 Libardi Comunicação. Todos os direitos reservados.