Blogspot Siga-me no Twitter FanPage no Facebook

Colunistas  Marco Antonio de Tommaso

voltar

Beleza & saúde

Detalhes sobre o colunista

Data: 19/08/2005

Título: Beleza: Uma questão de imagem e auto-imagem

"Beleza" é um conceito complexo, variável no espaço, no tempo e peculiar a determinada cultura. No mesmo momento temporal, os valores estéticos da cultura ocidental e de uma tribo africana são diferentes. O "belo" aqui pode ser o "feio" lá.

Vivemos a era da valorização da imagem e a mulher contemporânea busca a beleza com avidez. Se a estética é basicamente uma intervenção na imagem, a percepção e a decodificação do valor estético se dá ao nível de como a própria imagem é percebida e processada. Se houverem "vieses", lentes emocionais escuras, processos de ansiedade entre o indivíduo e sua imagem, teremos uma distorção da percepção da mesma. Como se, ao nos observarmos diante do espelho, existisse entre nós e o mesmo "lentes deformantes". Se ficarmos corrigindo somente o que supomos ser "uma imagem feia" e não questionarmos a avaliação que fazemos dela, fatalmente continuaremos a percebê-la "deformada". O erro não está na imagem, mas em como a vemos.

Quando a mulher, obstinadamente, passa a buscar uma imagem idealiza-da, não vincada na realidade, quando passa a sentir "defeitos" físicos que outros não vêm, inclusive especialistas, ou a exagerá-los quando existem, quando passa a sofrer por eles, prejudicando, inclusive, o funcionamento social, profissional, afetivo ou outros, é fundamental que tenhamos em mente que o trabalho a ser feito é também psicológico, habitualmente indo além da simples persuasão.

Vários fatores podem fazer com que avalie negativamente a própria ima-gem, como baixa auto-estima, sentimentos de inferioridade, ansiedade, depressão, estresse, insegurança e outros fatores psicológicos.

A importância do trabalho psicológico em nível de auto-imagem pode ser ilustrada no trabalho com modelos, onde mulheres geneticamente privilegiadas em termos de beleza, convivem, elas também, com índices elevados de preocupação acerca de possível "feiúra".

Data Título
10/11/2010 BULIMIA
26/01/2009 Por que modelos podem desenvolver transtornos alimentares?
26/01/2009 Psicologia do Emagrecimento: A MAGIA: SER EMAGRECIDO II
03/01/2009 Ansiedade e comida
10/07/2008 Conversando com Modelos: auto-estima
12/02/2007 Modelo (manequim) subnutrida não desfila!!!
22/01/2007 SPFW e transtornos alimentares
16/08/2006 AUTO-ESTIMA: aquisição
04/02/2006 Gisele e a síndrome do pânico
14/10/2005 A importância da auto-imagem
27/08/2005 Real Beleza: a beleza "real"
19/08/2005 A "Fórmula 1" da beleza
19/08/2005 Beleza: Uma questão de imagem e auto-imagem
23/05/2005 Ser, estar e sentir-se bonita
03/04/2005 Inimigos de modelos
28/10/2004 Beleza feminina: a pesquisa Unilever -Dove
14/05/2004 Auto-estima: sem ela você não trabalha
11/02/2004 Timidez
11/01/2004 Deu branco?
20/12/2003 Psicologia Descomplicada 1: Emagrecimento
26/11/2003 Sinais da anorexia
23/08/2003 Profissões de alta performance
15/06/2003 Quadril 90
01/06/2003 O estresse na vida dos modelos
07/05/2003 Auto-estima e a profissão de modelo
06/04/2003 Auto-estima
06/03/2003 10 dicas para modelos
06/02/2003 Perguntas sobre auto-imagem II
10/01/2003 Perguntas sobre auto-imagem I
28/12/2002 Raiva
20/12/2002 Top não é "toupeira"
09/12/2002 Por que psicologia para modelos?
 


Sábado  20.01.18
esqueci a senha
cadastre-se
associe-se
 


Termo de compromisso    |    Política de privacidade    |    Parcerias    |    Publicidade
Seja um colaborador

Copyright © 2002 Libardi Comunicação. Todos os direitos reservados.